Você está aqui: Página Inicial

Programa de Consolidação do Pacto Nacional pela Gestão das Águas

PROGESTÃO é um programa de incentivo financeiro aos sistemas estaduais para aplicação exclusiva em ações de fortalecimento institucional e de gerenciamento de recursos hídricos, mediante o alcance de metas definidas a partir da complexidade de gestão (tipologias A, B, C e D) escolhida pela unidade da federação.

Untitled Document
TIPOLOGIA A
Balanço quali-quantitativo satisfatório em quase a totalidade do território; criticidade quali-quantitativa inexpressiva; usos pontuais e dispersos; baixa incidência de conflitos pelo uso da água.
TIPOLOGIA B
Balanço quali-quantitativo satisfatório na maioria das bacias; usos concentrados em algumas poucas bacias com criticidade quali-quantitativa (áreas críticas); incidência de conflitos pelo uso da água somente em áreas críticas.
TIPOLOGIA C
Balanço quali-quantitativo crítico (criticidade qualitativa ou quantitativa) em algumas bacias; usos concentrados em algumas bacias com criticidade quali-quantitativa (áreas críticas); conflitos pelo uso da água com maior intensidade e abrangência, mas ainda restritos às áreas críticas.
TIPOLOGIA D
Balanço quali-quantitativo crítico (criticidade qualitativa ou quantitativa) em diversas bacias; usos concentrados em diversas bacias, não apenas naquelas com criticidade quali-quantitativa (áreas críticas); conflitos pelo uso da água generalizados e com maior complexidade, não restritos às áreas críticas.
PROGESTÃO NO SEU ESTADO

Destaques

Conjuntura PR

Paraná lança Relatório de Conjuntura de Recursos Hídricos

Resultado do Projeto Ferramenta de Gestão no estado, o relatório permite o acompanhamento sistemático da situação dos recursos hídricos paranaenses

Prêmio ANA

Inscrições para o Prêmio ANA 2020 são prorrogadas até 15 de agosto

Inscrições de boas práticas em prol da água podem ser realizadas pelo hotsite da premiação para as oito categorias em disputa.

Chamada IPEA

IPEA lança edital para segunda fase do Projeto Ferramentas de Gestão

Acre, Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Tocantins são os estados contemplados nessa segunda fase

Gestão de Recursos Hídricos nos Estados