Você está aqui: Página Inicial

Programa de Consolidação do Pacto Nacional pela Gestão das Águas

PROGESTÃO é um programa de incentivo financeiro aos sistemas estaduais para aplicação exclusiva em ações de fortalecimento institucional e de gerenciamento de recursos hídricos, mediante o alcance de metas definidas a partir da complexidade de gestão (tipologias A, B, C e D) escolhida pela unidade da federação.

Untitled Document
TIPOLOGIA A
Balanço quali-quantitativo satisfatório em quase a totalidade do território; criticidade quali-quantitativa inexpressiva; usos pontuais e dispersos; baixa incidência de conflitos pelo uso da água.
TIPOLOGIA B
Balanço quali-quantitativo satisfatório na maioria das bacias; usos concentrados em algumas poucas bacias com criticidade quali-quantitativa (áreas críticas); incidência de conflitos pelo uso da água somente em áreas críticas.
TIPOLOGIA C
Balanço quali-quantitativo crítico (criticidade qualitativa ou quantitativa) em algumas bacias; usos concentrados em algumas bacias com criticidade quali-quantitativa (áreas críticas); conflitos pelo uso da água com maior intensidade e abrangência, mas ainda restritos às áreas críticas.
TIPOLOGIA D
Balanço quali-quantitativo crítico (criticidade qualitativa ou quantitativa) em diversas bacias; usos concentrados em diversas bacias, não apenas naquelas com criticidade quali-quantitativa (áreas críticas); conflitos pelo uso da água generalizados e com maior complexidade, não restritos às áreas críticas.
PROGESTÃO NO SEU ESTADO

Destaques

PROGESTÃO 2

Nove estados aderem ao 2º ciclo do Progestão

Os estados de Alagoas, Goiás, Mato Grosso, Paraíba, Paraná, Piauí, Rio de Janeiro, Rondônia e Sergipe são os primeiros a aderir ao 2º ciclo do Progestão.

Rio São Mateus/ES

Progestão monitora metas no Espírito Santo

Para alcançar as metas pactuadas e estabelecidas, os gestores dos contratos do Progestão têm monitorado e assessorado de perto as ações de cada unidade federativa.

AMAZ_200 0408_0014 Rio Acre_Rio Branco_AC_Rui Faquini.jpg

AC, AP, AM e MS implementam outorgas

Os estados do Acre, Amapá, Amazonas e Mato Grosso do Sul deram início à implementação da outorga do direito de uso dos recursos hídricos.

Gestão de Recursos Hídricos nos Estados